LIÇÃO 6 – ABRAÃO – O PAI DA FÉ

Gênesis 12 a 18

 

O homem caiu em pecado e perdeu a comunhão com seu Criador. Deus, entretanto, promete intervir e enviar um Salvador, logo após a queda do homem. Vamos ler Gênesis 3.15. “Descendente” quer dizer uma única pessoa, que pisaria a cabeça da serpente (inimiga do homem, que simboliza Satanás). Através desta pessoa, Deus estabeleceria a redenção (livramento) da humanidade caída no pecado.

 

Então, muitos anos depois, Deus chama um homem, Abrão, para dar sequência a seu plano de salvação. Leia Gênesis 12.1-3 e 17.1-5 e procurem responder em conjunto às seguintes questões:

 

- O que ele deveria fazer? Gn 12.1

- O que Deus prometeu a ele? Gn 12.2

- O que Abrão traria a todas as nações da terra? Gn 12.3

- Porque seu nome foi mudado? Gn 17.5

 

Abrão (com um “a) quer dizer “pai exaltado”

Abraão (com 2 “a”) quer dizer “pai de nações”. Em Gênesis 17.5, Deus muda o nome de Abrão para Abraão, com isto significando que sua descendência seria numerosa. Mas ele não tinha filhos, e estava então com 99 anos!

 

Deus é assim: usa nossas fraquezas e impossibilidades para demonstrar Sua força e poder! Abraão teve que crer nas promessas de Deus. Apesar da sua idade e da sua esposa, que era estéril e também idosa, Deus agiu na vida deles, como também age em nossas vidas.


Mas porque era tão importante que Abraão tivesse filhos e seus descendentes constituíssem uma nação?

 

Através da descendência de Abraão, Deus estabeleceria uma nação – os hebreus. Desta nação, viria a nascer o Salvador, que é o Messias (Jesus Cristo).

 

O plano de Deus foi assim traçado e nada impediria de isto ocorrer. Nem a esterilidade de Sara, nem a avançada idade de Abraão iriam impedir Deus de agir. A isto chamamos de “soberania de Deus”: Ele tem o poder de fazer todas as coisas ocorrerem conforme Seu santo e perfeito desejo! Abraão creu em Deus, e é um exemplo de fé confiante para todos nós. Leia Gênesis 15.4-6 e Romanos 4.16.

 

Abraão obedeceu a Deus, e peregrinou na terra de Canaã, saindo do lugar onde morava e indo para a terra que Deus lhe havia prometido – de Ur à Canaã são quase 1.000 km, numa época em que o principal meio de transporte era através de animais (camelos). Isto se compara também a nós, que somos chamados do mundo para a pátria celestial (céu) – somos apenas peregrinos (viajantes) aqui neste tempo!

 

Professor: procure mostrar, num mapa, as terras bíblicas – você obtém mapas na web – sugestão: http://www.compartilhandonaweb.com.br/imagens/mapa/omundodospatrarcas.jpg

 

Curiosidade: só existem 3 livros na Bíblia (Jó, Lucas e Atos) que não foram escritos pelos descendentes de Abraão. Todos os demais livros (63) foram revelados a seus descendentes!

 

Versículo para decorar: “Abrão creu no Senhor, e isso lhe foi creditado como justiça” – Gn 15.6.

 

EXERCÍCIOS PARA A SEMANA:

 

1) Anote V para verdadeiro e F para falso. Abrão:

 

a (   ) Tinha 45 anos quando saiu de Harã – Gn 12.4

b (   ) Foi de Harã para o Egito – Gn 12.5

c (   ) Quando chegou em Siquém, ergueu um altar – Gn 12.6-7

d (   ) Ele entregou o dízimo (décima parte) de tudo o que tinha - Gn 14.18-20

e (   ) O número de descendentes dele seria 500 – Gn 13.16

 

2)      Descubra mais fatos sobre Abraão nos versículos abaixo:

 

a) Onde ele morava antes de viajar com seu pai para Harã? Gênesis 11.31

…………………........................................................................................................

b) Porque ele foi para o Egito? Gênesis 12.10

…………………........................................................................................................

c) Quem acompanhava-o em sua peregrinação? Gênesis 12.4-5

…………………........................................................................................................

d) Qual o nome e a idade da sua esposa? Gênesis 17.15-17

…………………........................................................................................................

e) Qual o nome do seu filho (prometido por Deus)? Gênesis 17.19

…………………........................................................................................................

 

3) Converse com seus pais sobre a fé de Abraão, e os desafios que teve que enfrentar em sua vida de peregrinação: fome (Gn 12.10), ameaças de morte (Gn 12.11-12), guerra (Gn 14.14-16), dúvidas (Gn 15.1-2 e 8) e provas (Gn 22.1-2). Nós também somos peregrinos neste mundo – porém nossa pátria prometida é no céu. O que teremos que enfrentar em nossa caminhada? Como venceremos tais obstáculos?

…………………........................................................................................................

…………………........................................................................................................

…………………........................................................................................................

…………………........................................................................................................

…………………........................................................................................................

 

4) Relacione a 1ª coluna com a 2ª coluna

 

1. Nome do sobrinho de Abraão (Gn 11.31)

a. Três

2. Número de homens que lhe foram ao encontro (Gn 18.2)

b. Sarai

3. Nome do seu filho com a escrava Hagar (Gn 16.15)

c. Ló

4. Antigo nome da esposa de Abraão (Gn 17.15)

d. Quatro

5. Número de pontos cardeais lhe foi ordenado olhar (Gn 13.14-15)

e. Ismael

 

 

Respostas dos exercícios:

 

1a - F (tinha 75 anos)

1b - F (foram para Canaã)

1c - V

1d - V

1e - F (o número não é citado, mas será tão numerosa como a areia)

 

2a - Ur

2b - Porque havia fome em Canaã

2c - Ló, seu sobrinho

2d - Sara (antes Sarai), 90 anos

2e - Isaque

 

3 - (Resposta pessoal, porém, pode ser lembrado que enfrentaremos perseguições, tentações e até a morte. Venceremos tais obstáculos unicamente pela fé em Nosso Senhor e Salvador - 1 Jo 5.4)

 

4 - 1c, 2a, 3e, 4b, 5d

 

____________________________________________________________________

 

www.ebdonline.com.br

 

Lista de Lições